Prefeito planeja profundas mudanças no Maior São João do Mundo e estabelece prazo para entrega das casas do Aluízio Campos

Romero_abertura_sao_joao_2016“Não é preciso citar nomes. Basta ter boa memória para constatar que Campina Grande inicia uma nova gestão em 2017 muito melhor, em todos os aspectos, que há quatro anos. E é com entusiasmo e uma força de vontade ainda maior que nós estamos começando esse novo governo”.

Foi com essas palavras que o prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues, abriu a entrevista de cerca de 30 minutos que concedeu nesta terça-feira, 03, para uma emissora de TV da cidade.

Entre outros temas abordados pelos apresentadores e pela população, através de mensagens por celular, o gestor, reeleito e empossado para mais quatro anos de mandato, falou mais demoradamente sobre a edição 2017 d’O Maior São João do Mundo e da previsão de conclusão do Complexo Aluízio Campos, onde estão sendo concluídas 4.100 unidades habitacionais.

Lá, além das milhares de novas moradias, serão entregues nove avenidas, 66 ruas, duas praças com academia popular, duas escolas, três creches, duas unidades básicas de saúde e um CRAS.

Antes o prefeito reiterou seu posicionamento em relação à reforma do secretariado, cargos comissionados e prestadores de serviço, que dentro de um criterioso processo de enxugamento da máquina administrativa, será anunciada paulatinamente.

Sobre o período junino, Romero avisou que já estão sendo finalizados estudos sobre o evento e profundos ajustes serão implantados na formatação do gerenciamento da festa. Ele ressaltou que o evento não vai perder o grandioso caráter popular e de livre acesso à todas as classes sociais.

Entre as mudanças, o prefeito adiantou que o número de atrações será diminuído e o tempo de apresentação dos artistas será estendido. A ideia é diminuir os custos e otimizar o evento, que contará em 2017 com uma forma diferente de gerência, evitando problemas com contratação e pagamento dos cachês.

Já em relação ao maior conjunto habitacional em construção no Brasil, que está sendo levantado no Complexo Aluízio Campos, Romero Rodrigues planeja iniciar o processo de sorteio das 4.100 casas no segundo semestre. A previsão, segundo o gestor, é que a obra esteja concluída em dezembro, com a entrega sendo realizada entre janeiro e fevereiro de 2018.

Fonte: Codecom

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

TOPO