Romero_cavalgada_2017

Prefeito prestigia Cavalgada Junina e destaca importância do evento

A Cavalgada Junina, um dos eventos mais esperados da programação do Maior São João do Mundo em 2017, aconteceu neste sábado, 17, superando as expectativas dos seus organizadores, ligados à Associação de Cavalos Mangalarga Marchador, raça conhecida por ser dócil e de fácil domação. A Cavalgada Junina, que tomou às ruas de Campina Grande neste sábado, foi iniciada na Estação Velha, ganhando as vias centrais e, por fim, a tropa se dirigiu para o Parque de Exposições de Animais, localizado no bairro do Ligeiro.

Usando um chapéu de couro, típico dos vaqueiros nordestinos, o prefeito de Campina Grande prestigiou o evento, cavalgando ao lado dos que tomaram a iniciativa de realizar mais uma vez esta programação que cresce a cada ano, despertando a atenção de campinenses e visitantes. Além dele, outras autoridades municipais marcaram presença à programação, entre eles os secretários Teles Albuquerque (Esporte), Geraldo Nobre (Sesuma), Fábio Agra (Agricultura) e o jornalista Marcos Alfredo (Codecom).imagem

A Prefeitura de Campina Grande manteve seu compromisso com a realização da Cavalgada Junina, disponibilizando, por exemplo, o apoio institucional da STTP – Superintendência de Trânsito e Transportes Públicos – além de outros setores da administração municipal.

A grande novidade deste ano da cavalgada foi a presença do Grupo Folclórico “As Marias”, que recepcionou na Estação Velha os mais de cem participantes da cavalgada, entre cavaleiros e amazonas.  O grupo, caracterizado com roupas que remetem aos anos trinta, fez também uma apresentação artística no Restaurante Chapéu de Couro, localizado nas proximidades do Parque de Exposição Carlos Pessoa Filho, no Ligeiro, onde aconteceu o encerramento da Cavalgada.imagem

Já na concentração, o prefeito expressou a sua satisfação com o crescimento e o interesse que o evento desperta na população de Campina Grande e nos turistas. Segundo ele, a iniciativa engrandece mais ainda a programação junina da cidade, marcada pela diversidade e atrativos para pessoas de todos os gostos e segmentos culturais.

“Este é o São João da diversidade, onde, democraticamente, há espaço e oportunidades de lazer para as mais diferentes pessoas. Nesta manhã, aqui estamos prestigiando um evento que homenageia as nossas raízes históricas, nossas tradições e valoriza até mesmo o chamado ecoturismo. Eis, por isso, o sucesso da nossa festa”, afirmou.imagem

Por sua vez, o coordenador do evento, Fábio Nogueira, disse que a inspiração está nos antigos Tropeiros da Borborema, os quais possibilitaram o desenvolvimento econômico inicial de Campina Grande, sendo, desta forma, merecedores de todas as homenagens da população.

“Por isso, ela se consagra como um dos eventos de grande apelo cultural, dentro da programação do Maior São João do Mundo. Além disso, é muito bonito ver a marcha ritmada do cavalo Mangalarga Marchador que faz uma toada harmoniosa com os sons da sanfona, do triângulo e da zabumba. Trata-se de um misto de cultura, esporte e lazer, num evento realmente muito atrativo”, acrescentou.imagem

A cavalgada, cuja prática é motivada pelo espírito esportivo, religioso ou cívico, tem encontrado grande aceitação no Nordeste. Conforme explicou Fábio Nogueira, esse apelo cultural, cuja origem remonta aos séculos 17 e 18, foi a principal razão para a inclusão desta atividade na programação oficial do Maior São João do Mundo.

imagem

Fonte: Codecom

Print Friendly
PDF Creator    Enviar artigo em PDF   

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

TOPO