Prefeitura deve entregar Policlínica da Zona Leste em outubro

dra_luzia_pintoA Prefeitura de Campina Grande definiu que a Policlínica da Zona Leste da cidade será entregue à população ainda no mês de outubro deste ano.

O anúncio foi feito pela secretária municipal de saúde, Luzia Pinto, durante entrevistas concedidas na manhã desta quinta-feira, 06.

Durante a participação em programas jornalísticos de duas emissoras, a gestora fez uma avaliação dos avanços da gestão do prefeito Romero Rodrigues na área da saúde no município e também falou sobre a implantação de outros serviços para ampliar o acesso dos campinenses a exames e consultas especializadas.

Luzia Pinto explicou que a nova Policlínica vai funcionar no bairro de José Pinheiro, no prédio do antigo Grupo Escolar Joana Silvestre.

O local já está sendo reformado com recursos próprios da Prefeitura.  A estrutura do serviço vai contar com três consultórios, setor de acolhimento, além de salas para realização de raio-x, eletrocardiograma  e ultrassonografia.  No local serão realizadas ainda consultas médicas de cardiologia, dermatologia, otorrino, neurologia, ortopedia, urologia, endocrinologia e pediatria.

Segundo a secretária, a unidade terá capacidade para realizar três mil consultas por mês, mas a ideia é a capacidade de atendimentos de forma gradativa.

“Vamos adotar o mesmo modelo de atendimento da Policlínica das Malvinas, inaugurada no ano passado e que hoje realiza atendimentos até durante à noite. A determinação do Prefeito Romero é que cada Distrito Sanitário do município possa ter seu serviço próprio para consultas e exames especializados, respeitando o perfil epidemiológico e social de cada região da cidade”, garantiu.

Além da Policlínica da Zona Leste, a secretária ainda destacou implantação de dois novos serviços de saúde também para este ano. Segundo Luzia Pinto, o Hospital Municipal Pedro I vai contar com um Centro de Especialidades Médicas, com capacidade para cinco mil consultas especializadas por mês. Outra conquista será o Centro de Regulação de Exames e Consultas, que funcionará na sede da Secretaria Municipal de Saúde, no bairro da Liberdade.

“Estamos fazendo uma verdadeira revolução na organização dos serviços especializados de saúde, garantindo aos cidadãos campinenses o acesso rápido e descentralizado às consultas e exames. Com o Centro de Regulação vamos poder ter um controle mais eficiente, principalmente, dos recursos para custeio dos procedimentos realizados por usuários de outros municípios na rede pública de saúde de Campina Grande”, assegurou a secretária.

Fonte: Codecom

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

TOPO