Secretaria de Agricultura quer superar a meta de 50 barragens subterrâneas

fabio_medeirosPor determinação do prefeito Romero Rodrigues,  programa de Barragens Subterrâneas de Campina Grande vai ser intensificado pela Secretaria Municipal de Agricultura (Seagri). A meta inicial do programa é a implantação de 50 barragens, sendo que até o momento foram instaladas seis. Porém, como as chuvas cessaram no município neste final de agosto, os serviços terão continuidade e mais comunidades rurais vão ser beneficiadas em distritos como São José da Mata, Catolé de Boa Vista e Galante.

“Poderemos até superar a meta inicial de implantar 50 barragens subterrâneas em Campina Grande, numa ação voltada para todas as comunidades rurais. Até agora foram feitas seis, pois tivemos que parar em decorrência das chuvas registradas no município. Não é possível e nem recomendável executar este tipo de ação em condições adversas. Mas, agora, este trabalho será intensificado”, disse o secretário de Agricultura, Fábio Medeiros.

O secretário  assegurou que até o final deste segundo semestre o trabalho será intensificado e, consequentemente, no inverno do próximo ano, Campina Grande contará com um maior número de barragens subterrâneas. Ressaltou, contudo, que nas barragens já implantadas os resultados tem sido os melhores possíveis, a exemplo da existente na comunidade Serra de Joaquim Vieira, em São José da Mata, onde o programa foi iniciado.

Fábio  lembrou que, além das barragens, as comunidades rurais estão sendo beneficiadas com a implantação de cisternas. Para tanto, a PMCG firmou convênios e parcerias com outras instituições. Outra iniciativa é o fornecimento de água por meio de caminhões pipa. Atualmente, a PMCG dispõe de seis caminhões realizando este tipo de serviço. Estes caminhões abastecem as centenas de cisternas já construídas em Campina Grande.

Fonte: Codecom

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

TOPO